área para o
público geral
Acesso
a profissionais

Les troubles

Microbiota disfuncional e doenças

Diferentes partes do corpo humano (intestinos, pele, …) são a casa de vários microrganismos vivos (bactérias, fungos, vírus, …) a que chamamos de microbiota, a microbiota é benéfica para a nossa saúde quando está equilibrada. A disrupção deste equilíbrio (a que chamamos disbiose) pode estar associada a várias doenças, dependendo dos locais da microbiota afetada. É por isto que gastroenterites, doença de Crohn, alguns cancros gastrointestinais, e mesmo depressão, diabetes, alergias e problemas de pele como eczema podem estar associados a um desequilíbrio da microbiota. Vamos explorar o elo entre a microbiota e a nossa saúde!

Olhar profundo na disbiose

A composição da microbiota é caraterizada pela sua diversidade (número de espécies diferentes presentes num indivíduo) e a sua abundância (número total de microrganismos presentes). Quando a composição é afetada (mudanças num ou em ambos os fatores), o equilíbrio é quebrado e a disbiose emerge. A disbiose pode ser associada a várias doenças, mas ainda não é certo se esta é a causa ou consequência destas doenças. Portanto, qual veio primeiro, a galinha ou o ovo? A ciência ainda não foi capaz de responder a esta questão.

Fatores

Doenças
diferentes

Medicamentos
(antibióticos, ….)

Álcool ou tabaco

Stress

Doenças
diferentes

Infeções bacteriais,
virais ou
parasítárias

Mudança abrupta
de ambiente
ou dieta

Medicamentos
(antibióticos, ….)

Doenças diferentes

Álcool ou tabaco

Infeções bacteriais, virais ou
parasítárias

Stress

Mudança abrupta
de ambiente
ou dieta

Agir sobre a Disbiose

Boas notícias! Quando o balanço da microbiota é comprometido, é possível restaurar ao agir sobre a sua composição (abundância, diversidade). É chamado de modelação da microbiota. Em prática, há várias formas de o fazer:

1. Através de uma dieta equilibrada: baixa em gordura e hidratos de carbono e alta em fibra e rica neste tipo de alimentos: alcachofras, alho, cebola (naturalmente rica em prebióticos) assim como sauerkraut, kefir, laticínios fermentados (que são fonte de probióticos).

2. Através da toma de:

  • probióticos
  • prebióticos
  • simbióticos (combinação dos dois anteriores)

Nos casos mais severos, restaurar uma microbiota saudável através de um transplante fecal de microbiota é uma alternativa que tem tido resultados promissores.